terça-feira, 16 de setembro de 2008

47 - Retiranças


"O teu olhar foi para mim
A criação de um ponto onde havia esperança.
Suas palavras foram pedras imaginárias,
Em meu caminho.
Suas atitudes, lástimas encarceradas.
Tuas mentiras, meus lamentos solitários;
Tua dor, minha dor.
Teu olhar foi complementado
Com meu sorriso no canto da boca.
Tuas perguntas foram respondidas,
Com porções de vinho tinto.
Entorpeço em tua presença.
Não consigo curar.
Teu olhar calou a minha boca,
Tua boca fechou o meu olhar.
E se antes eras um ponto de esperança,
Hoje és a reticência sem fim..."


F. Almeida

2 comentários:

Giane disse...

Ontem tranquei uma porta.
E a não ser que arrombem, não pretendo voltar a abrí-la.
E não irão arrombá-la.
Infelizmente...

Dora Mimos Ponto Cruz disse...

olá!
se quiseres participar na troca precious moments basta ires ao meu blog e deixar um comentário a dizer que te queres inscrever na troca!
jokas!

Related Posts with Thumbnails